O que fazer em caso de extravio de bagagem?

A primeira coisa a ser feita em caso de bagagem extraviada é se dirigir ao balcão da empresa que prestou o serviço e avisar a um funcionário. Em algumas situações, é possível encontrar a mala através do localizador do bilhete de embarque.


Caso não a encontre, deverá ser feito o Registro de Irregularidade de Bagagem (RIB). Para isso, é necessário apresentar o ticket da mala, aquele comprovante de despacho, a fim de comprovar que esta estava sob responsabilidade da companhia.


Um ponto importante é sempre anotar o número do protocolo do registro e não deixar o ticket da bagagem despachada com a empresa, pois este documento é uma das principais provas do ocorrido. Além disso, a empresa deve oferecer um valor para que o passageiro compre itens de primeira necessidade, já que está sem os pertences. Se isso não acontecer, é válido guardar todos os comprovantes de gastos e pedir ressarcimento.


Aliás, é de suma importância guardar todos os documentos comprobatórios possíveis, como o bilhete da passagem aérea ou terrestre, ticket da bagagem, RIB e notas fiscais de gastos oriundos da ausência dos pertences.


Por fim, o que resta é aguardar o prazo de devolução da bagagem extraviada. Segundo a resolução da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), a empresa tem, no máximo, 7 dias para adotar uma das seguintes providências, a depender do caso: I- reparar a avaria, quando possível; II- substituir a bagagem avariada por outra equivalente; III- indenizar o passageiro no caso de violação.


Além disso, se a empresa se recusar a restituir os valores perdidos, o viajante deverá ingressar com um processo judicial, descrever o que havia dentro da mala e mostrar eventuais provas sobre a veracidade dos pertences para o juiz. A partir daí, será determinado um valor de indenização para cobrir o prejuízo sofrido. Além disso, se a bagagem permanecer extraviada por mais três dias, mesmo que depois seja encontrada, também é possível pedir indenização.


Se você estiver passando por essa situação, nós podemos avaliar o seu caso de forma totalmente digital e gratuita, além de iniciar seu processo sem nenhum custo inicial, funciona assim:


Basta nos responder algumas perguntas sobre o seu caso através deste link. Nós analisaremos as suas respostas e, se for elegível, você nos enviará cópias de documentos pessoais e as provas que possuir.


A partir dessas informações, nós realizaremos mais uma análise, a fim de garantir que o caso é elegível. Se estiver tudo certo, você receberá o contrato de prestação de serviços e a procuração, que deverão ser assinados. Lembre-se que todo este procedimento é feito de maneira totalmente digital!


Por fim, a ação judicial será proposta e, caso haja indenização, será cobrado 30% do valor. Bem mais simples, não é mesmo? Não precisa se preocupar buscando profissionais e se locomovendo para entregar documentos, nós cuidamos de tudo.

Deixe uma resposta

Quero Processar